Apoio:

Associação Comercial, Industrial de Agropecuária de Ouro Preto







Cartões Visa







Fundação de Arte de Ouro Preto







 

Apresentação | História | Sonho de Liberdade | Belezas Naturais | Arquitetura | Distritos


Lista de Atrações:

(Clique nas fotos para ampliar)

Voltar

Passeios ecológicos nos distritos de Ouro Preto

Passeios Ecológicos em Ouro Preto:

Pico do Itacolomi : embora muitos acreditem que o pico fica em Ouro Preto, na verdade ele pertence à Mariana. Contudo a entrada é por Ouro Preto. A formação rochosa (1752m) serviu como ponto de referência para os bandeirantes. Um dos primeiros a chegar aos pés do Itacolomi, no aurífero Vale do Tripuí, foi Antônio Dias em 1698, vindo de Taubaté. A notícia correu rapidamente e levas de aventureiros se dirigiam àquela mítica montanha, usando para isso vagas instruções geográficas. Levou um certo tempo para que conseguissem finalmente encontrar o pico, até então mais um cume perdido no mar montanhoso de Minas. Hoje o Parque Estadual do Itacolomi (com matéria publicada na Revista Idas Brasil) preserva este marco da conquista do ouro, proporcionando aos visitantes curiosa vegetação, vales, rios, formações rochosas e panorâmicas de tirar o fôlego. Visite em grupo, acompanhado por um guia local.
Acesso pela Rodovia dos Inconfidentes, entre Ouro Preto e Mariana. Visita com autorização. Mais informações clique AQUI.

Topo


Parque Horto dos Contos : extensa área verde - bem no centro histórico - entrecortada por caminhos e passagens de nível que ligam a igreja São Francisco de Paula (parte alta) à Matriz de N. Sra. do Pilar (parte baixa). Possui completa infra-estrutura de lazer com lanchonete, mirantes, quadra, parque infantil, sanitários, vestiário e anfiteatro. Toda a área, anteriormente degradada, foi revitalizada com sinalização completa e plantio de espécies da região. Um fato curioso é poder passar embaixo da Ponte dos Contos, uma das mais importantes da cidade.
Funcionamento: de terça a domingo, das 7 às 17:00 h.
Tel: (0xx31) 3559-3217.

Topo


Estação Ecológica Tripuí : área de Preservação Ambiental criada para proteção do Peripatus Acacioi, pequeno e raro invertebrado pré-histórico, um verdadeiro fóssil vivo. Sua área de 497 hectares serve ainda à preservação do histórico vale do Tripuí, onde foram encontradas as primeiras amostras de ouro na região, dando início ao eldorado. Tripuí em tupi significa "água de fundo sujo", pois suas águas correm sobre leito de pedras e areias negras. Não recebe turistas. Visitação apenas para escolas de segundo e terceiro graus (máximo de 80 alunos por excursão). áreas de atuação: incêndios florestais, biodiversidade, ecologia e zoologia. Duração: 4 horas. Marcar visita com antecedência de 20 dias: (0xx31) 3295-7005 - Instituto Estadual de Florestas - Belo Horizonte.

Topo


Parque Municipal da Cachoeira das Andorinhas : repleto de interessantes formações rochosas. Nele está a nascente do rio das Velhas. A cachoeira recebe este nome devido ao grande número de andorinhões-de- coleira que migram para o parque no verão. Somente visite acompanhado de um guia local e em grupo. Acesso pelo morro de São Sebastião.

Topo


Voltar

Apresentação | História | Sonho de Liberdade | Belezas Naturais | Arquitetura | Distritos


Revista Idas Brasil Ltda.. Todos os direitos reservados.
Reprodução pública somente com autorização.

 





Anuncie

Página inicial

Fotos de Minas

English version

Version française

Clique aqui

Clique aqui

Clique aqui

Clique aqui

Clique aqui